São Gonçalo do Amarante é destaque em ranking das melhores gestões do Ceará

23/06/2018

 

O Anuário do Ceará 2018-2019 foi lançado na noite desta quinta-feira, 21. O evento marcou a abertura do Festival Vida&Arte, que acontece até o dia 24, no Centro de Eventos do Ceará.

 

A edição traz informações essenciais para quem quer conhecer profundamente o Estado, dos pontos de vista econômico, político e social. É um guia para estudantes, pesquisadores, investidores, empresários e interessados na realidade cearense.

 

A editora-executiva do Anuário, Joelma Leal, destaca que a principal novidade desta edição é pesquisa exclusiva do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece). O Índice Comparativo de Gestão Municipal (ICGM), gerado a partir da análise integrada de seis indicadores, mensura aspectos relativos à gestão fiscal, planejamento, transparência, resultado e eficiência.

"A partir desses dados, a gente tem o ranking dos 20 melhores e 20 piores municípios, nos critérios, dentre as 184 cidades cearenses. Um capítulo especial ainda homenageia os 90 anos do O POVO, completados no dia 7 de janeiro", frisou Joelma.

 

A formulação dos pesquisadores tem como objetivo fornecer subsídios para o aperfeiçoamento e planejamento da gestão pública. 

 

O editor-chefe do Anuário, Jocélio Leal, antecipou as gestões com melhor desempenho, durante discurso no lançamento: Eusébio, Aquiraz, São Gonçalo do Amarante, Sobral e Fortaleza.

 

"Entregamos hoje aos cearenses um novo parâmetro para a medição de gestões municipais. A parceria com o Ipece é um novo marco editorial de extrema importância", disse Jocélio, acentuando a participação do economista Cláudio Ferreira Lima, consultor editorial da publicação.

 

Personalidades

 

A presidente do Grupo de Comunicação O POVO, jornalista Luciana Dummar, agradeceu a presença de "tantos amigos" na noite de abertura do Festival Vida&Arte e lançamento do Anuário do Ceará 2018-2019. Empresários, políticos, artistas e personalidades da sociedade cearense estiveram no evento.

 

O Anuário já teve diversas configurações em seus 159 anos. "É a publicação mais antiga do Estado, um patrimônio, uma referência. E neste ano o lançamento acontece dentro do Festival Vida&Arte, que resgata e valoriza a nossa cultura e nossa gente", comemorou o governador Camilo Santana.

 

"É extremamente importante para a sociedade cearense porque, além de política e economia, fala de cultura e formação. Hoje é incorporado pelo melhor jornal que nós temos, que é o jornal O POVO", completou o senador Eunício Oliveira, presidente do Congresso Nacional. 

 

 

COMPARTILHAR NO FACEBOOK
COMPARTILHAR NO TWITTER
Please reload