Crianças praticam Yoga e aprendem a ‘desacelerar’

22/10/2018

O dia de ontem começou cedo para os irmãos João Pedro e Rafael, de 5 e 2 anos, respectivamente. Eles foram os primeiros a chegar à aula aberta de yoga para crianças, por volta de 9h, na Praça das Flores, acompanhados do pai João Bosco. 

Promovida pela psicopedagoga, arte-terapeuta e professora de yoga Anabela Alcântara, a atividade integrava a programação especial da Feira Muda Meu Mundo, que, ontem (20), foi dedicada ao público infantil.

Antes mesmo da aula, os pequenos entraram em aquecimento espontaneamente. “O que a gente vê é que a criança é um ser humano muito elétrico, agitado, e eles continuam sendo assim. Mas, com a yoga, eles conseguem relaxar, desacelerar, focar”, aponta João Bosco, que é também arquiteto e professor em formação de Kundalini Yoga. 

 

“O que a gente vê é que a criança é um ser humano muito elétrico, agitado, e eles continuam sendo assim. Mas, com a yoga, eles conseguem relaxar, desacelerar, focar”

 

Anabela já trabalha com o público infantil desde 2008. Ela explica que a idade mínima para praticar é 4 anos, mas com a utilização das ferramentas lúdicas (música, brincadeira e contação de história), os mais novos, como Rafael, de 2 anos, podem participar. 

 

Os benefícios, segundo a professora, vão além dos físicos. “As crianças ganham mais flexibilidade, fortalecem os músculos, mas têm também os aspectos filosóficos do yoga, que é a não-violência, a verdade, o desapego”, afirma.

 

Diversão


Além do yoga, crianças e pais participaram das ações do projeto Viver pra Valer, da Escola Waldorf Micael. Amarelinha, jogo de bila, peteca, entre outras brincadeiras tradicionais integraram a programação.

A empresária Ticiana Rolim Queiroz esteve no local com as duas filhas e reforçou que “iniciativas como essa trazem vida para as praças e relaxam tanto crianças como adultos”

COMPARTILHAR NO FACEBOOK
COMPARTILHAR NO TWITTER
Please reload