No Paraná, municípios preparam estruturas esportivas para depois da pandemia


Estruturas para a prática esportiva, como ginásios, quadras e complexos, recebem melhorias em 14 municípios do Paraná, somando investimentos de R$ 7 milhões, com recursos disponibilizados pelo Governo do Estado. As estruturas foram viabilizadas a partir de janeiro de 2019, com a aprovação de projetos pela Secretaria do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas e operacionalização do Paranacidade.

“O esporte é fundamental para o desenvolvimento das crianças e das comunidades. É transformador”, diz o secretário João Carlos Ortega. “Ao final das restrições impostas pela Covid-19, esses municípios estarão mais preparados para atender suas populações”, afirma Ortega.

Cinco dessas obras já estão concluídas, oito estão em execução e três com contratos já assinados preveem a construção, ampliação ou reforma de complexos esportivos, ginásios de esportes e quadras, além da cobertura de quadras esportivas em escolas municipais. Dos recursos investidos, R$ 4,85 milhões são do tesouro do Estado, R$ 2,20 milhões foram liberados via Sistema de Financiamento aos Municípios (SFM) e R$ 779 mil são de contrapartidas das prefeituras.

SUSTENTABILIDADE

O acesso ao esporte é uma das alternativas para a promoção da inclusão social e da criação de comunidades sustentáveis, de acordo com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), definidos pela Organização das Nações Unidas.

A sua prática está prevista no ODS 3, que defende saúde e bem-estar para todos; no ODS 4, que prevê a universalização do acesso à educação de qualidade; e no ODS 11, sobre a transformação das cidades em ambientes inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.

“Ao realizarem essas ações, essas prefeituras se alinham à busca de objetivos que, quando alcançados, estarão entre as principais conquistas da humanidade”, afirma o secretário. “As ações aprovadas pela Secretaria do Desenvolvimento Urbano e operacionalizadas pelo Paranacidade são orientadas também pelos ODS e em atenção à diretriz definida pelo governo Ratinho Júnior de trabalhar para transformar a vida das pessoas”, enfatiza Ortega.

Sobre os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) (ou Objetivos Globais para o Desenvolvimento Sustentável) são uma coleção de 17 metas globais, estabelecidas pela Assembleia Geral das Nações Unidas. Os ODS são parte da Resolução 70/1 da Assembleia Geral das Nações Unidas: "Transformando o nosso mundo: a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável", que depois foi encurtado para Agenda 2030. As metas são amplas e interdependentes, mas cada uma tem uma lista separada de metas a serem alcançadas. Atingir todos os 169 alvos indicaria a realização de todos os 17 objetivos. Os ODS abrangem questões de desenvolvimento social e econômico, incluindo pobreza, fome, saúde, educação, aquecimento global, igualdade de gênero, água, saneamento, energia, urbanização, meio ambiente e justiça social. [Wikipédia]