Entenda o fenômeno que causa a temporada de ventos fortes no Ceará a partir de agosto



Começa em agosto a temporada de ventos fortes no Ceará, que segue até o mês de outubro, com ventos mais intensos, principalmente no litoral e na região serrana. O fenômeno ocorre devido à aproximação do centro de alta pressão no Oceano Atlântico Sul, chamado de alta subtropical do Atlântico Sul.


"Ela aproxima mais da costa Leste do Brasil e é justamente nesse sistema que se originam os ventos alísios de Sudeste. Esses ventos alísios passam mais paralelos à costa, então a área próxima da faixa litorânea, da nossa costa do Estado vão perceber essa intensidade mais forte. Além de áreas serranas, por exemplo a Serra da Ibiapaba", explicou o Vinícius Oliveira, meteorologista da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).


Conforme o meteorologista, nesse período, a média dos ventos nesse período no Estado podem chegar até a 36 quilômetros por hora.

"Os ventos em média nesse período, principalmente nos meses de agosto, setembro e outubro, ficam na ordem de 15 a 20 nós. Ou seja, de 27 a 36 quilômetros por hora", disse o meteorologista.

As rajadas de vento, que são ventos abruptos, repentinos e de curta duração podem alcançar até 63 quilômetros por hora.

"Já as rajadas de vento podem ser na ordem de 25 a 35 nós, o que corresponde de 45 a 63 quilômetros por hora", falou Vinícius.


Fonte:g1.globo