Cearense ganha prêmio por pesquisa sobre impacto da Covid no Nordeste


A cientista cearense Sharon Dias conquistou um prêmio internacional de pesquisa por analisar impacto da Covid-19 em comunidades vulneráveis do Nordeste


Uma cientista cearense conquistou o prêmio internacional Development Research Center (IDRC) por conta de uma pesquisa que revelou o impacto da Covid-19 em comunidades vulneráveis do Nordeste.


Sharon Dias foi aluna de escola pública e atualmente faz doutorado na Universidade Federal Fluminense (UFF) em cotutela com a University of Victoria, no Canadá.


Intitulado ‘Insegurança à moradia e direitos à moradia de minorias em tempos de financeirização e Covid-19: Lições de comunidades pobres do Nordeste do Brasil’, o trabalho de Dias foca nos desafios enfrentados pela população diante da falta de políticas públicas na pandemia.


O projeto analisou as condições de moradia, acesso à informação, a participação de mulheres e comunidades em vulnerabilidade habitacional durante a pandemia, e como as redes de solidariedade agiram nesse momento.


Uma das inspirações para a tese foi o projeto Ser Ponte, que ajudou 210 famílias chefiadas por mulheres em Fortaleza (CE), durante a pandemia. O programa pagou uma renda de R$ 180,00 por mês de abril a dezembro a essas famílias.


O dinheiro recebido da premiação será investido na coleta de dados da pesquisa.


Por: Isabela Alves


Fonte: Razões Para Acreditar